A constituição do sujeito e a historicidade

Eduardo A. Tomanik, Angela Maria Pires Caniato e Marilda Gonçalves Dias Facci (orgs.)
Não deixa de ser surpreendente perceber que podemos viver uma vida inteira, até o seu ocaso, sem fazer esta pergunta: "quem sou eu?". E quando a fazemos, se é que a fazemos, não deixa também de ser surpreendente perceber o quão ela é embaraçosa.
A constituição do sujeito - tema central deste livro - é, a rigor, o foco central e base da construção da própria ciência psicológica. Por outro lado, não é preciso um grande esforço de pesquisa para que se perceba que a ampla maioria dos estudos e das tentativas de atuação da Psicologia centra-se em diferentes aspectos e não na compreensão da constituição do sujeito como uma totalidade. Avançar, em busca da superação destes limites, não era e não será tarefa fácil, mas é promissora.
A adoção desta meta é uma clara tentativa de superação das formas de isolamento e de hermetismo teórico, tão características da atuação dos profissionais da área da Psicologia. Por isso, a opção pelo diálogo, materializada nos capítulos que compõem a obra. Nos textos, os autores apresentam, de forma tão clara quanto possível, em que sua opção teórica e sua trajetória de produção acadêmica contribuem ou podem contribuir para o aprofundamento da compreensão da temática. O livro é um convite ao diálogo, aceite-o e venha participar.
1a edição
Maio/2010
R$45,00
Preço de capa
978-85-7516-385-6
ISBN
270
Páginas
140 x 210 mm
Formato
Abrir na LibriLaboris

Exclusivo para Professores

Solicite um exemplar para análise com 50% de desconto sobre o preço de capa.

.

Sumário

Apresentação
Eduardo A. Tomanik, Marilda Gonçalves Dias Facci e Sonia Mari Shima Barroco

Parte I. Em Busca de um Conceito Disperso

CAPÍTULO 1
'Quem Sou Eu?'
José Antônio Damásio Abib

CAPÍTULO 2
O Sujeito Humano e o Conhecimento: constituição psicossocial e complexidade
Eduardo A. Tomanik

CAPÍTULO 3
Subjetividade e Metapsicologia: a constituição conceitual da realidade psíquica
Helio Honda

Parte II. Encontros do Sujeito com a Sociedade

CAPÍTULO 4
A Historicidade na Constituição do Sujeito: considerações do marxismo e da Psicologia Histórico-cultural
Marilda G. D. Facci, Sonia M. S. Barroco e Nilza S. T. Leonardo

CAPÍTULO 5
Poderia ser a Subjetividade, Objetivada? Em busca da superação da dualidade em Psicologia
Silvana Calvo Tuleski

CAPÍTULO 6
Os (Des)Caminhos na Psicanálise: a busca de compreensão da subjetividade e de seu sofrimento na contemporaneidade
Angela Maria Pires Caniato

Parte III. O Sujeito e o Outro: o Inconsciente

CAPÍTULO 7
Mito, Historicidade e Inconsciente
Viviana C. Velasco Martínez

CAPÍTULO 8
Duas Faces do Sujeito
Gustavo Adolfo Ramos Mello Neto

Sobre os Autores