Ciência da Informação e Literatura

Marco Antônio de Almeida (org.)

Ciência da Informação e Literatura: práticas e reflexões transita por um vasto território que cobre das possíveis práticas abertas aos profissionais da informação, que queiram se envolver com a literatura, até reflexões sobre conceitos e autores __ sem estabelecer, entretanto, fronteiras e hierarquias entre uma coisa e outra. Desde a literatura infantil, passando por romance policial e literatura premiada, como os Nobéis, até a dramaticidade enigmática de Clarice Lispector e Franz Kafka, apresenta possibilidades para o cientista da informação abrir horizontes e renovar práticas, proporcionando, aos leitores, material para reflexão.

1a edição
Fevereiro/2012
R$37,00
Preço de capa
978-85-7516-580-5
ISBN
150
Páginas
14 x 21 cm
Formato
Português
Idioma

Exclusivo para Professores

Solicite um exemplar para análise com 50% de desconto sobre o preço de capa.

.

Sumário

Apresentação

Capítulo 1
A Literatura Infantil em Diálogo com a Biblioteca Escolar
Cláudio Marcondes de Castro Filho

Capítulo 2
A Paixão Inscrita no Discurso da Exposição de/sobre Clarice Lispector
Lucília Maria Sousa Romão

Capítulo 3
Tecendo Tramas Literárias para uma Narrativa da Memória
Giulia Crippa

Capítulo 4
Literatura, Informação, Conhecimento e Ciência: considerações a partir da literatura policial
Marco Antônio de Almeida

Capítulo 5
O Caso do Cientista da Informação que Estudava Filosofia e Adorava Literatura
Denise Viuniski da Nova Cruz e Solange Puntel Mostafa

Sobre os Autores

Orelha

Ciência da Informação e Literatura: práticas e reflexões, como indica seu subtítulo, pretende transitar por um vasto território que cobre das possíveis práticas abertas aos profissionais da informação que queiram se envolver com a literatura até as reflexões acerca de conceitos e autores ― sem estabelecer, entretanto, fronteiras e hierarquias entre uma coisa e outra. Nesse sentido, assume claramente o caráter polifônico de obra coletiva. Reúne textos de professores-autores do Curso de Ciência da Informação e Documentação (CID) da USP-Ribeirão Preto (SP) em explorações literárias de rica consequência para a área informacional. Desde a literatura infantil, passando por romance policial e literatura premiada como os Nobéis, até a dramaticidade enigmática de Clarice Lispector e Franz Kafka, vemos possibilidades para o cientista da informação abrir horizontes e renovar práticas; o livro proporciona aos leitores material para reflexão e abertura para novas perspectivas.

Veja Também