Lazer: olhares multidisciplinares

Victor Andrade de Melo (org.)
No Brasil, ainda que existam importantes iniciativas anteriores, foi a partir da década de 1970, e ainda mais denotadamente dos anos 80, que os estudos do Lazer melhor se sistematizam, sendo possível identificar um aumento quantitativo e progressivamente qualitativo das discussões, bem como a conformação de um campo acadêmico. Não é equivocado afirmar que, na produção mais recente, praticamente nenhum autor discorda de que o Lazer deve ser entendido enquanto um fenômeno historicamente situado, que, por suas características, aponta para a necessidade de uma compreensão multidisciplinar.
A despeito de essas serem considerações generalizadas, não podemos observar muitas iniciativas de prospectar mais profundamente o que isso pode significar. Temos, sim, algumas importantes contribuições, mas se tivermos em conta a importância e a frequência das citações, tanto acerca do caráter histórico quanto da natureza multidisciplinar do objeto Lazer, parece que muito há para discutir.
Esta obra pretende contribuir na discussão dessas duas questões de grande importância para os estudos do Lazer. A primeira parte do livro é integralmente dedicada à história do Lazer. Sua originalidade é que não se trata de trabalhos de revisão da literatura, mas pesquisas históricas propriamente ditas, produzidas por especialistas em certos recortes temporais (Grécia Antiga, Roma Antiga, Idade Média, Modernidade). Abre a seção um artigo que 4 pretende lançar um olhar mais geral sobre as possíveis contribuições da disciplina História para o aprofundamento de nossas investigações e reflexões ligadas ao Lazer.
Na segunda parte, cada um dos autores, especialistas em diversas áreas do conhecimento (Arquitetura, Ciências Sociais, Geografia e Economia) e já pesquisadores da temática há algum tempo, foram convidados a refletir sobre a possível contribuição de suas disciplinas para o estudo do Lazer. A originalidade está não somente na abordagem direta, como, também, no fato de alguns desses olhares não terem recebido ainda um espaço privilegiado no âmbito de uma publicação que faz um inventário de diferentes enfoques (caso denotado da Arquitetura).
Coleção Estudos do Lazer
1a edição
Fevereiro/2010
R$40,00
Preço de capa
978-85-7516-323-8
ISBN
212
Páginas
140 x 210 mm
Formato
Abrir na LibriLaboris

Exclusivo para Professores

Solicite um exemplar para análise com 50% de desconto sobre o preço de capa.

.

Sumário

Apresentação

PARTE 1
Olhares da História

Capítulo 1
Contribuições da História para o Estudo do Lazer
Victor Andrade de Melo

Capítulo 2
Skholé e Práticas Esportivas entre os Helenos
Fábio de Souza Lessa

Capítulo 3
Ócio: o que podem nos dizer os romanos?
Norma Musco Mendes

Capítulo 4
'Esporte Espetacular': competição, premiação e prestígio na África Romana
Regina Maria da Cunha Bustamante

Capítulo 5
Diversão e Prazer na Idade Média: reflexões acerca das visões sobre o entretenimento
na Península Ibérica
Andréia Cristina Lopes Frazão da Silva
Leila Rodrigues da Silva


Capítulo 6
Brincar e Jogar como Lazer na Literatura Medieval em Alemão: alguns apontamentos histórico-literários
Álvaro Alfredo Bragança Júnior

Capítulo 7
O Lazer e a Modernidade: representações
Victor Andrade de Melo

PARTE 2
Olhares Multidisciplinares

Capítulo 8
Contribuições da Geografia para o Estudo do Lazer
Gilmar Mascarenhas

Capítulo 9
Contribuições das Ciências Sociais ao Estudo do Lazer
Fabio de Faria Peres

Capítulo 10
A Arquitetura e o Lazer: algumas tendências contemporâneas
Angela Maria Moreira Martins

Capítulo 11
Um Olhar da Economia: o comportamento do consumidor de produtos culturais e os combos de entretenimento
Fabio Sá Earp Helena Sroulevic

Sobre os Autores