Telas que Ensinam - Mídia e aprendizagem: do cinema às tecnologias digitais

Samuel Pfromm Netto

Para que haja ensino e aprendizagem de alta qualidade, é indispensável sólidas bases científicas de conhecimentos e procedimentos psicológicos e pedagógicos. Juntamente com uma minuciosa e surpreendente história das origens e vicissitudes, essas bases são aqui examinadas compondo um quadro de referência obrigatório a todos quantos se preocupam com a educação ou a ela se dedicam.
Os desafios de agora e do futuro próximo, em matéria de educação e preparo de recursos humanos para as atividades produtivas em geral — em meio às novas tecnologias de telecomunicações, dos conceitos e produtos associados às tecnologias digitais e atentos às demandas de melhor educação em todos os seus níveis e modalidades —, impõem o emprego de “telas que ensinam”.

3a edição
Atualizada e Ampliada
Maio/2011
R$45,00
Preço de capa
978-85-7516-404-4
ISBN
256
Páginas
14 x 21 cm
Formato
Português
Idioma
Abrir na LibriLaboris
.

Sumário

Prefácio

Capítulo 1
Introdução

Capítulo 2
Tecnologia da Educação
Pré-condições do aprendiz
Pré-requisitos aprendidos e estratégias de aprendizagem
Planejamento e produção de materiais e sistemas de ensino
Projeções fixas
Funcionamento de centros de televisão, vídeo e rádio educativos nas escolas superiores
Centros de distribuição: criação e funcionamento
A biblioteca como centro de aprendizagem
Os novos desafios educacionais

Capítulo 3
Educação a Distância
Que é educação a distância?
Um precursor remoto: Paulo de Tarso
Psicologia da aprendizagem e processamento de informação
Educação, escolas, ensino: é preciso mudar

Capítulo 4
Aprendizagem Humana: Fundamentos
Um modelo geral de aprendizagem
Independência crescente, atividade, transação cognitiva
Apropriação, imersão e transformação
Ambientes para aprender
Aprender é transformar
Versatilidade, pluralismo e imaginação a serviço do ensino-aprendizagem

Capítulo 5
Conteúdos, Estratégias e Capacidades Mentais

Capítulo 6
A Odisseia do Cinema Educativo no Brasil
O cinematógrafo e os primórdios do cinema educativo
O cinema educativo no Brasil
Filmes para a educação do povo: o sonho de Edison
Fundamentos do ensino por meio do cinema
Cinema educativo na “belle époque”
O cinema no ensino médico
De 1950 em diante

Capítulo 7
Televisão e Gravações em Vídeo Ensinam – e Bem
Televisão a serviço do ensino médico
Versatilidade da televisão e do vídeo
Vídeos a serviço do ensino-aprendizagem
Televisão comercial e televisão educativa
Pesquisas sobre televisão no Brasil
Televisão e público infantil: padrões de uso
Conteúdo da televisão
Efeitos da televisão nas crianças
Televisão educativa no Brasil
Miscelânea
TV Escola/MEC
Televisões educativas, públicas e universitárias

Capítulo 8
Programas Educativos e Infantis na Televisão: Encontros e Desencontros
Programação para crianças: boa e má
O “currículo oculto” da televisão comercial
Televisão não comercial, educativa e pública
Um punhado de conclusões, imperativos e sugestões

Capítulo 9
O Futuro é Agora
A patologia educacional brasileira
A psicologia e a pedagogia ante a mídia educativa
A educação brasileira e as novas realidades
Mídia educativa: raízes e visão de conjunto
O caso de Frank Hall

Referências e Leituras Recomendadas

Orelha