Práticas de Química Analítica

Práticas de Química Analítica é um conjunto de experimentos que variam da simplicidade de uma análise volumétrica a um estudo mais elaborado, envolvendo técnicas de via úmida e análises instrumentais. Os procedimentos utilizam amostras do cotidiano real e visam a uma maior aproximação com o trabalho profissional pela promoção de discussões técnicas entre alunos e professores.

Com adequada condução, os professores poderão realizar essas atividades experimentais para as diferentes graduações universitárias, e também para alunos de escolas técnicas do ensino médio.

6a edição
Revisada e Ampliada
Maio/2020
R$58,00
Preço de capa
978-85-7670-330-3
ISBN
194
Páginas
16 x 23 cm
Formato
Português
Idioma
Abrir na LibriLaboris

Exclusivo para Professores

Solicite um exemplar para análise com 50% de desconto sobre o preço de capa.

.

Sumário

Apresentação

Práticas clássicas
Titulometria – potenciometria ácido-base
Titulometria – determinação do fator de correção
Titulometria – concentração e identificação
Titulometria – indireta ou de retorno
Titulometria – carbonato/bicarbonato
Titulometria – % de carbonilas
Titulometria – halogenados
Titulometria – argentometria
Titulometria – meio etanólico
Titulometria – iodometria
Titulometria – limites de doseabilidade
Titulometria – complexiometria por EDTA
Titulometria – análise de água segundo Karl Fischer – fator
Titulometria – análise de água segundo Karl Fischer – quantitativa
Ferro(II) – colorimetria com ortofenantrolina
Solução padrão de ferro(III) – colorimetria – Nessler
Colorimetria – ferro(III) – Nessler
Colorimetria – ferro(III) – espectrofotometria – calibração
Colorimetria – ferro(III) – espectrofotometria – quantitativa
Manganês(II) por colorimetria com formaldoxima
Colorimetria visual – limites de doseabilidade
Colorimetria instrumental – limites de doseabilidade
Gravimetria da água – pesagem e Karl Fischer
Pirólise
Gravimetria e complexiometria
Gravimetria do óxido de alumínio (Al2O3)
Determinação do tamanho de partícula por microscopia óptica
Mistura – grau de homogeneidade
Mistura – regra em cruz de 4 estágios (quadrado de Pearson)

Práticas avançadas
Espectrofotometria – ultravioleta/visível – técnica
Espectrofotometria – UV/VIS – curva do benzeno
Cromatografia em fase gasosa
Cromatografia em fase gasosa – análise qualitativa
Cromatografia em fase gasosa – capilar
Cromatografia em fase gasosa – capilar – split/splitless
Cromatografia em fase gasosa
Cromatografia em fase gasosa – padronização externa
Cromatografia em fase gasosa – padronização interna
Cromatografia líquida
Cromatografia líquida – sistemas isocrático e gradiente
Cromatografia líquida – análise de diácidos
Cromatografia líquida – análise de carboidratos
Cromatografia líquida – análise de naftóis
Cromatografia líquida – análise de hidrocarbonetos aromáticos
Peneira molecular – secagem de etanol hidratado
Resinas de troca iônica – capacidade de troca
Acetato de etila – obtenção
Acetato de etila – análise quantitativa
Éster de ácido graxo – obtenção
Éster de ácido graxo – análise quantitativa
Prática integrada – UV/VIS – CFG-HPLC – benzeno no etanol
Prática integrada – UV/VIS – CFG-HPLC – fenol e ácido benzoico
Validação – titulometria
Validação – cromatografia
Determinação do coeficiente de variação
Uso do índice de refração
Análise do cloridrato de tetraciclina ao nível de traços LCMSMS
Determinação de gordura saturada em leite condensado e doce de leite
Determinação do teor de cobre por ICP-OES
Determinação de surfactantes anfóteros em shampoos
Determinação de glicose por método enzimático

Bibliografia

Apêndice. Conceitos e dados para análise

Anexo 1. Conduta e segurança no laboratório

Anexo 2. Tratamento e descarte de produtos químicos

Orelha

É imperativa para o estudo da Química a atividade prática que ocorre no laboratório, lugar em que se desenvolvem o ensino/aprendizagem e a formação profissional. A convivência nesse ambiente com os professores e outros profissionais possibilita — por meio da troca de ideias, das discussões e reflexões, à luz das observações experimentais — o amadurecimento para a vida profissional. O trabalho no laboratório exige atitudes individuais e coletivas, principalmente com respeito à segurança e permite o desenvolvimento das habilidades do químico.

Práticas de Química Analítica é um conjunto de experimentos que variam da simplicidade de uma análise volumétrica a um estudo mais elaborado, envolvendo técnicas de via úmida e análises instrumentais. Os procedimentos utilizam amostras do cotidiano real e visam a uma maior aproximação com o trabalho profissional pela promoção de discussões técnicas entre alunos e professores.

Com adequada condução, os professores poderão realizar essas atividades experimentais para as diferentes graduações universitárias, e também para alunos de escolas técnicas e do ensino médio.

Referencia

LEITE, Flávio. Práticas de Química Analítica. 6. ed. Campinas: Átomo, 2020.
Veja Também