Cuidar de idosos no contexto da família: questões psicológicas e sociais

O crescimento da longevidade e do número de idosos na população aumenta a possibilidade de que as famílias e, dentro delas, as mulheres venham a ser cuidadoras. Muitas conciliarão o cuidado com papéis profissionais. A esmagadora maioria o fará sem nenhuma ajuda informal ou formal sistemática. Nesse quadro, existe forte tendência de que o cuidado seja vivido como oneroso e inesperado.
Esta coletânea é a nossa maneira de responder a essas questões. Dados produzidos em outros países podem nos ajudar, mas o conhecimento de como cuidadores brasileiros agem e como se sentem na situação de amparar idosos fragilizados é de grande valia para a construção de modelos explicativos e de intervenção adaptados às necessidades dos nossos idosos e de suas famílias.

Coleção Velhice e Sociedade
3a edição
Revisada
Janeiro/2013
R$44,00
Preço de capa
978-85-7516-471-6
ISBN
204
Páginas
14 x 21 cm
Formato
Português
Idioma
Abrir na LibriLaboris

Exclusivo para Professores

Solicite um exemplar para análise com 50% de desconto sobre o preço de capa.

.

Sumário

Apresentação

Capítulo 1
As Várias Faces do Cuidado e do Bem-estar do Cuidador
Anita Liberalesso Neri e Cinara Sommerhalder

Capítulo 2
Discutindo Mitos, Desvendando Sentidos: velhice, dependência e cuidado segundo jovens, adultos e idosos de origem japonesa
Meyre Eiras de Barros Pinto e Anita Liberalesso Neri

Capítulo 3
Avaliação Subjetiva da Tarefa de Cuidar: ônus e benefícios percebidos por cuidadoras familiares de idosos de alta dependência
Cinara Sommerhalder e Anita Liberalesso Neri

Capítulo 4
Tarefas de Cuidar: com a palavra, mulheres cuidadoras de idosos de alta dependência
Mônica Rodrigues Perracini e Anita Liberalesso Neri

Capítulo 5
Cuidar de Cuidadores: resultados de um programa de treinamento realizado em domicílio
Denise Rodrigues Yuaso

Sobre as Autoras

Orelha

O crescimento da longevidade e do número de idosos na população aumenta a possibilidade de que as famílias e, dentro delas, as mulheres venham a ser cuidadoras. Muitas conciliarão o cuidado com papeis profissionais. A esmagadora maioria o fará sem nenhuma ajuda informal ou formal sistemática. Nesse quadro, existe forte tendência de que o cuidado seja vivido como oneroso e inesperado.
Nas grandes cidades as dificuldades são ainda maiores porque temos pouco tempo para os relacionamentos. Além disso, na vida contemporânea sobra pouco espaço interior para a reflexão sobre o sentido da velhice e da morte e para o cultivo da espiritualidade. Os mais velhos têm dificuldade para lidar com o significado da de-pendência e da inversão de papéis que esta impõe aos idosos e aos filhos. Sem significado existencial, o cuidar e o ser cuidado têm ainda maior chance de se tornarem experiências penosas.
É forçoso reconhecer o quanto são solidárias as famílias brasileiras e seus relacionamentos de amizade. Surpreendem as soluções oriundas da experiência do dia a dia de indivíduos e grupos que funcionam à margem das oportunidades oferecidas pelo sistema público e privado. No entanto, não é porque tais famílias são solidárias ou criativas, nem porque não são percebidas politicamente que deixaremos de reconhecer o quanto estão ao abandono de providências que garantiriam melhor qualidade de vida a eles e aos seus idosos.
Esta coletânea é a nossa maneira de responder a essas questões. Dados produzidos em outros países podem nos ajudar, mas o conhecimento de como cuidadores brasileiros agem e como se sentem na situação de amparar idosos fragilizados é de grande valia para a construção de modelos explicativos e de intervenção adaptados às necessidades dos nossos idosos e de suas famílias.

Referencia

NERI, Anita Liberalesso (org.). Cuidar de idosos no contexto da família: questões psicológicas e sociais. 3. ed. Campinas: Alínea, 2012.
Outros livros do(s) autor(es)
  1. As Múltiplas Faces da Velhice no Brasil
    As Múltiplas Faces da Velhice no Brasil
    Olga Rodrigues de Moraes Von Simson, Anita Liberalesso Neri e Meire Cachioni (orgs.)
  2. Palavras-chave em Gerontologia
    Palavras-chave em Gerontologia
    Anita Liberalesso Neri
  3. Assistência Ambulatorial ao Idoso
    Assistência Ambulatorial ao Idoso
    Maria Elena Guariento, Anita Liberalesso Neri (org.)
  4. Saúde e Qualidade de Vida na Velhice
    Saúde e Qualidade de Vida na Velhice
    Maria José D´Elboux Diogo, Anita Liberalesso Neri, Meire Cachioni (orgs.)
  5. Fragilidade, Saúde e Bem-estar em Idosos: dados do estudo FIBRA Campinas
    Fragilidade, Saúde e Bem-estar em Idosos: dados do estudo FIBRA Campinas
    Anita Liberalesso Neri e Maria Elena Guariento (orgs.)
  6. Octogenários em Campinas: dados do FIBRA 80+
    Octogenários em Campinas: dados do FIBRA 80+
    Anita Liberalesso Neri, Flávia Silva Arbex Borim e Daniela de Assumpção